Oi, gente linda!

Um prato que leva a dupla feijão com arroz não pode ficar de fora de nosso blog. A receita de hoje é o Baião de Dois, um prato que teve origem no nordeste, mais especificamente no Ceará, nos tempos de grandes dificuldades com as secas, quando a comida era escassa e nada podia ser desperdiçado. Então, o nordestino, muito criativo, uniu as sobras da cozinha, o arroz e o feijão com carne seca e queijo coalho e assim surgiu a receita de hoje.

INGREDIENTES

Para o baião

  • 500 g de carne-seca
  • 1 xícara (chá) de Feijão Codil
  • 1 xícara (chá) de Arroz Codil
  • 1/2 cebola picada fino
  • 1 colher (sopa) de azeite (ou óleo)
  • 1/2 colher (chá) de sal
  • 1 folha de louro

Para o refogado

  • 200 g de queijo de coalho em peça
  • 70 g de bacon em cubos
  • 1 cebola roxa
  • 2 dentes de alho
  • 2 colheres (sopa) de manteiga de garrafa (ou a gordura que preferir, como manteiga, azeite ou óleo)
  • 3 talos de cebolinha fatiada
  • folhas de coentro a gosto
  • sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

MODO DE PREPARO

Do baião

  • Corte a carne-seca em cubos grandes de cerca de 7 cm – este tamanho é ideal para dessalgar a carne sem tirar completamente o sal e também para desfiar de um tamanho uniforme. Coloque numa tigela e lave em água corrente;
  • Cubra os cubos de carne com 5 xícaras (chá) de água fria. Cubra a tigela com um prato (ou filme) e deixe na geladeira por 24 horas – troque a água pelo menos uma vez durante este período;
  • Escorra a água e transfira a carne para a panela de pressão. Complete com água até a metade da panela, tampe e leve ao fogo médio. Assim que a panela começar a apitar, diminua o fogo e deixe cozinhar por 20 minutos. Desligue o fogo e espere toda a pressão sair antes de abrir (você pode colocar um garfo sob a válvula par acelerar o processo, mas isso encurta o tempo de vida da panela);
  • Despreze a água do cozimento, junte o feijão e repita o passo anterior, mas dessa vez deixe cozinhar por apenas 10 minutos. Atenção: o feijão não pode cozinhar demais e desmanchar. Após os 10 minutos de cozimento, desligue o fogo e, com um garfo, levante a válvula para tirar a pressão da panela;
  • Com uma pinça, transfira os cubos de carne para um prato e desfie com dois garfos – descarte os pedaços maiores de gordura. Sobre uma tigela, passe o feijão por uma peneira e reserve a água do cozimento;
  • Leve ao fogo médio uma panela média. Quando aquecer, regue com o azeite e acrescente a cebola. Tempere com o sal e refogue por cerca de 2 minutos, até murchar. Acrescente o arroz e mexa bem por cerca de 1 minuto para envolver todos os grãos com o azeite;
  • Meça 2 xícaras (chá) da água do cozimento reservada e regue sobre o arroz. Junte a folha de louro, misture e deixe cozinhar em fogo médio. Assim que a água começar a secar e atingir o mesmo nível do arroz, diminua o fogo e tampe parcialmente a panela. Deixe cozinhar até o arroz absorver toda a água – para verificar, fure o arroz com um garfo e afaste alguns grãos do fundo da panela;
  • Desligue o fogo e mantenha a panela tampada por 5 minutos para que os grãos terminem de cozinhar no próprio vapor. Enquanto isso, prepare o refogado.

Do refogado

  • Descasque e pique fino a cebola e o alho. Corte o queijo de coalho em cubos de 1 cm;
  • Leve ao fogo médio uma frigideira grande, de preferência antiaderente. Quando aquecer, acrescente 1 colher (sopa) de manteiga de garrafa e junte os cubinhos de queijo. Deixe por cerca de 2 minutos, até descolar do fundo, e mexa com a espátula para dourar por igual. Transfira para uma tigela e reserve;
  • Mantenha a frigideira em fogo médio e adicione o restante da manteiga de garrafa. Acrescente a cebola e refogue até murchar. Junte os cubos de bacon e deixe cozinhar, mexendo de vez em quando, até começar a dourar. Adicione o alho e mexa por mais 1 minuto;
  • Adicione a carne-seca desfiada e mexa por cerca de 2 minutos para aquecer. Acrescente 1/2 xícara (chá) da água do cozimento reservada e misture bem – isso vai deixar o baião de dois mais molhadinho. Desligue o fogo, junte o feijão e misture bem;
  • Abra a panela do arroz, solte os grãos com um garfo e transfira para a frigideira com o refogado. Misture bem, prove e acerte o sal e a pimenta. Junte os cubinhos de queijo dourados e a cebolinha. Misture e finalize com folhas de coentro. Sirva a seguir com molho lambão.

Veja Mais Receitas


Feijão Tropeiro – um prato básico para toda refeição

Oi, gente linda! Quem, como nós, não ama Tropeiro? Então, para ajudar a disseminar todo esse amor, a receita de hoje é o básico, mas muito delicioso Feijão Tropeiro.  Para quem ainda não sabe, este era o prato essencial dos tropeiros,  homens que conduziam o gado por todo o estado de Minas Gerais na metade do […]

Preparo Gohan – Arroz Tradicional Japonês

Oi, gente linda! Agora que não há segredo para ninguém, tá na hora de testar a novidade Arroz Codil Oriental!  A receitinha de hoje é o Gohan. Para quem ainda não conhece, o Gohan não é apenas o filho do Goku de Dragon Ball… O Gohan representa o que há de mais essencial na culinária […]

Maria Isabel – do Piauí para o mundo

Oi, gente linda! Já falamos por aqui sobre as receitas brasileiras mais tradicionais que levam o arroz como ingrediente principal, e entre eles citamos o Maria Isabel. Hoje vamos contar um pouquinho mais da história deste prato e dar a receita para que a gente possa conhecer também seu sabor. A receita vem do Piauí […]